Diário da Manhã | Notícia, Jornal, Rádio, Passo Fundo, Carazinho

Agro Diário

Inovação para a agropecuária

Autor: Redação Diário da Manhã
Inovação para a agropecuária
Foto Divulgação Embrapa/ Sandra Patussi Brammer

Desde a criação da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), há 45 anos, o país passou de grande importador de alimentos para um dos principais exportadores mundiais

A Embrapa completou 45 anos de fundação, focada em valorizar a ciência, a inovação, a pesquisa, a tecnologia e, principalmente, a parceria com o produtor rural. A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária tem unidades em várias partes do país, associando o trabalho de acordo com as característica de cada local, assim como ocorre em Passo Fundo. Uma cerimônia foi realizada nessa semana, no auditório da Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia (Brasília, DF), e contou com mais de 300 convidados.

O presidente da Embrapa, Maurício Antônio Lopes, relembrou a época em que a Empresa foi criada, em 1973, quando o país era importador de alimentos e que foi capaz de se tornar, nos últimos 20 anos, grande exportador, com um mercado de mais de 170 países consumidores. “Sabemos dos resultados dessa jornada. É no dia a dia e também nos meios de comunicação que acompanhamos os efeitos da contribuição conjunta de produtores, técnicos, cientistas, parceiros dos setores públicos e privados, para essa grande agricultura brasileira”, destacou. Uma contribuição, segundo Lopes, que se reflete na qualidade e diversidade de alimentos presentes à mesa dos brasileiros, no menor custo da cesta básica, em uma agricultura mais conectada com o meio ambiente, mais competitiva e que gera mais divisas para o Brasil.

Participaram do evento autoridades das esferas política e econômica, incluindo lideranças da Câmara de Deputados e do Senado, e Eumar Novack, presidente da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB), que saudou a importância da empresa: “A Embrapa completa 45 anos sabendo de sua importância no passado para a agricultura e a pecuária no Brasil e, consciente do seu papel para o futuro, vem se modernizando e se adequando para os novos tempos. O Brasil vai colher os frutos de tudo que vem sendo plantado pela Empresa nos próximos anos”, destacou Novack.

Embrapa Trigo

O Centro Nacional de Pesquisa do Trigo (atual Embrapa Trigo) foi a primeira unidade descentralizada da empresa, instalada em Passo Fundo em 28 de outubro de 1974. A criação da Embrapa Trigo foi uma política do Governo Federal visando a segurança alimentar do País, na época grande importadora de alimentos básicos. O desenvolvimento de pesquisas no trigo gerou um crescimento de 1,54% ao ano, resultando no aumento da produtividade de 500kg/ha na década de 70, para 800kg/ha num período de dez anos.

A produção de trigo, que estava concentrada somente no Rio Grande do Sul, rapidamente se espalhou para os estados de Santa Catarina e Paraná, e hoje já começa a ganhar espaço no Brasil Central (MS, MG, BA, SP, GO e DF). Atualmente, a média de produtividade varia de 1.500 a 7 mil kg/ha, resultado do desenvolvimento de cultivares com ampla adaptação, estabilidade no rendimento e resistência a doenças, que permitiram significativo aumento na produção de grãos do Brasil. A Embrapa Trigo hoje conta com 242 empregados, 3 bases de pesquisa, e 122 cultivares de trigo lançadas.

O Futuro

O presidente da Embrapa, Maurício Antônio Lopes, apresentou o documento “Visão 2030: o futuro da agricultura brasileira”. Com 212 páginas, 400 colaboradores da Embrapa e instituições parceiras e um trabalho de mais de 18 meses, o documento apresenta as análises, tendências, sinais globais e nacionais sobre as principais transformações na agricultura em questões científicas, tecnológicas, sociais, econômicas e ambientais e seus potenciais impactos. A plataforma 2030 destaca projeções e expectativas de caminhos possíveis para o desenvolvimento sustentável da agricultura brasileira, e reúne artigos de opinião de 90 lideranças nacionais de diferentes áreas de atuação. Foram lançados também 17 e-books que apontam como a Empresa irá se pautar para desenvolver sua programação de pesquisa nos próximos anos. “Temos pela frente o futuro que vai nos guiar a partir desses 45 anos. Nossa atenção estará voltada principalmente pelo que faremos e não apenas pelo que já fizemos e conquistamos”, destacou Lopes. A publicação consolida a plataforma Agropensa e contribui para orientar junto aos parceiros os rumos da pesquisa agropecuária em direção ao futuro.

Lucro Social da Embrapa é de R$ 37,18 bilhões em 2017

Para cada real aplicado na Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) em 2017 foram devolvidos R$ 11,06 para a sociedade. Os dados são do Balanço Social 2017 da Empresa, que apontou um lucro social de R$ 37,18 bilhões, gerado a partir da adoção, pelo setor agropecuário, de 113 tecnologias e de cerca de 200 cultivares avaliadas na publicação.

"O lucro social, no caso da Embrapa, é derivado dos benefícios econômicos gerados em função dos lucros líquidos obtidos por aqueles que adotam as tecnologias disponibilizadas pela Empresa. Quando relacionamos esses benefícios econômicos com a receita operacional líquida anual, temos o que chamamos de retorno social ou lucro social", explica Antonio Flavio Dias Avila, pesquisador e supervisor de Avaliação de Desempenho Institucional da Secretaria de Desenvolvimento Institucional (SDI) e líder dos estudos de avaliação de impacto na Embrapa. Se considerarmos o fluxo de benefícios econômicos e de custos das tecnologias que estão no Balanço Social a taxa interna de retorno média é de 36,2%.

Para chegar ao resultado de R$ 11,06 devolvidos à sociedade, o Balanço Social da Embrapa relaciona os Indicadores Laborais, Sociais e as Tecnologias Desenvolvidas e Transferidas à Sociedade que geraram benefícios de R$ 37,18 bilhões em 2017 com a Receita Operacional Líquida de R$ 3,36 bilhões, recursos que a Empresa obteve no ano a partir de receitas geradas com vendas e serviços e as subvenções para custeio, convênios e doações.

Comentários

Horários de Voos

Vôo Empresa Horários Destino (s) Frequência
VCP - PFB Azul 08:45:00 Passo Fundo segunda a sábado
VCP - PFB Azul 17:40:00 Passo Fundo segundas, terças, quartas, quintas, sextas e domin
VCP - PFB Azul 23:15:00 Passo Fundo segundas, terças, quartas, quintas, sextas e domin
VCP - PFB Azul 20:35:00 Passo Fundo sábados
PFB - VCP Azul 06:00:00 Campinas - SP todos os dias
PFB - VCP Azul 10:55:00 Campinas - SP todos os dias exceto aos domingos
PFB - VCP Azul 19:55:00 Campinas - SP todos os dias exceto aos sábados
FLN - PFB Azul 16:15:00 Passo Fundo Segundas, sextas e domingos
PFB - FLN Azul 18:20:00 Florianópolis Segundas, sextas e domingos

Matriz

Curta o Diário

(54)3316-4800Passo Fundo

(54)3329-9666Carazinho

  • Passo Fundo: (54) 9905-7864

    Carazinho: (54) 9959-5027